domingo, 19 de abril de 2009

Cortinas do Coração


É engraçado, e penoso, ver que ainda hoje com tantos meios de buscarmos nossa salvação existem pessoas que simplesmente fecham os olhos e preferem dar uma de inocentes diante da rejeição para com o plano de Deus.

Nesses dias eu me pus a pensar sobre o individualismo e suas enfermidades, quantas vezes nós nos colocamos como seres supremos e únicos dos quais os outros devem depender. Isso, muitas vezes, nos leva a um estado espiritual que podemos comparar a um quarto escuro.

Isso pode nos levar a depressão, complexos e até a afetar a vida de quem está ao nosso redor, viramos então semeadores de infernos na terra. Tudo isso porque deixamos de enxergar a Luz que vem de Deus. Aprendam uma coisa: Quem não volta seu rosto para a Luz de Deus, quem não quer se aproximar da Luz de Deus não é capaz de refletir tal Luz sobre os outros. Veja por exemplo a Lua não possui brilho próprio, por que seu brilho vem do sol. Ela reflete a luz para que a terra não seja tomada pelas trevas. Assim também devemos refletir a Luz de Deus sobre quem está nas trevas.
Então o que seria estas trevas? Seria tudo aquilo que nos impede de ver a Luz do Pai. Podemos metafóricamente chamar de "Cortinas", pois escondem a Luz de Deus. Nós não conseguimos ver a Luz de Deus(por cortinas) quando nos deixamos nos cegar pela raiva, ressentimento ou seja tudo o que nós guardamos no peito por causa do Orgulho.
Jesus não é um "deus-estrupador", que invade seu coração sem que você queira, nem um curandeiro que sai por ai curando todo mundo como "santinho de politico" em época de campanha eleitoral. Para sermos curados, para sermos libertos é preciso um compromisso. "Quem entra na Luz não pode querer voltar para a escuridão, quem é da Luz está por que a ama."
As coisas de Deus devem ser levadas a serio, imagina então as pessoas de Deus, os filhos de Deus. Precisamos, mesmo, é de um compromisso com Deus, com a Palavra de Deus.

Precisamos rasgar as cortinas para que assim a Luz penetre em nosso peito e queime todos os rastros de trevas e para isso precisamos aprender a perdoar, se quisermos verdadeiramente receber esta Luz do Céu.

Pe. Léo SCJ. disse: "Perdoar é dar-se a quem não merece... é fácil ?
Pois perdoar é mais, é dar-se a quem não merece, acha que merece e me ofende... é fácil?
Pois perdoar é muito mais, é dar-se a
quem não merece, acha que merece, me ofende e fala mal de mim... Não é fácil...

Eu gostaria que fizessem camisas escrito : NÃO É FÁCIL.
Por que essas novelas quer nos enganar ,mostrando uma vida fácil, mas vida de Cristão não é fácil

(...)



Pois eu completo dizendo que ser cristão não é fácil, é sofrido, é difícil mas também é ser feliz.
A partir do momento em que nós somos capazes de perdoar ai sim finalmente podemos dizer: "Tenho rastros de Luz em mim, Tenho rastros de Deus"


Rasgue a cortina...


(Robson Nunes)

1 comentários:

Lorena Larry disse...

MARAVILHOSOOOO!!!

domingo, 19 de abril de 2009

Cortinas do Coração


É engraçado, e penoso, ver que ainda hoje com tantos meios de buscarmos nossa salvação existem pessoas que simplesmente fecham os olhos e preferem dar uma de inocentes diante da rejeição para com o plano de Deus.

Nesses dias eu me pus a pensar sobre o individualismo e suas enfermidades, quantas vezes nós nos colocamos como seres supremos e únicos dos quais os outros devem depender. Isso, muitas vezes, nos leva a um estado espiritual que podemos comparar a um quarto escuro.

Isso pode nos levar a depressão, complexos e até a afetar a vida de quem está ao nosso redor, viramos então semeadores de infernos na terra. Tudo isso porque deixamos de enxergar a Luz que vem de Deus. Aprendam uma coisa: Quem não volta seu rosto para a Luz de Deus, quem não quer se aproximar da Luz de Deus não é capaz de refletir tal Luz sobre os outros. Veja por exemplo a Lua não possui brilho próprio, por que seu brilho vem do sol. Ela reflete a luz para que a terra não seja tomada pelas trevas. Assim também devemos refletir a Luz de Deus sobre quem está nas trevas.
Então o que seria estas trevas? Seria tudo aquilo que nos impede de ver a Luz do Pai. Podemos metafóricamente chamar de "Cortinas", pois escondem a Luz de Deus. Nós não conseguimos ver a Luz de Deus(por cortinas) quando nos deixamos nos cegar pela raiva, ressentimento ou seja tudo o que nós guardamos no peito por causa do Orgulho.
Jesus não é um "deus-estrupador", que invade seu coração sem que você queira, nem um curandeiro que sai por ai curando todo mundo como "santinho de politico" em época de campanha eleitoral. Para sermos curados, para sermos libertos é preciso um compromisso. "Quem entra na Luz não pode querer voltar para a escuridão, quem é da Luz está por que a ama."
As coisas de Deus devem ser levadas a serio, imagina então as pessoas de Deus, os filhos de Deus. Precisamos, mesmo, é de um compromisso com Deus, com a Palavra de Deus.

Precisamos rasgar as cortinas para que assim a Luz penetre em nosso peito e queime todos os rastros de trevas e para isso precisamos aprender a perdoar, se quisermos verdadeiramente receber esta Luz do Céu.

Pe. Léo SCJ. disse: "Perdoar é dar-se a quem não merece... é fácil ?
Pois perdoar é mais, é dar-se a quem não merece, acha que merece e me ofende... é fácil?
Pois perdoar é muito mais, é dar-se a
quem não merece, acha que merece, me ofende e fala mal de mim... Não é fácil...

Eu gostaria que fizessem camisas escrito : NÃO É FÁCIL.
Por que essas novelas quer nos enganar ,mostrando uma vida fácil, mas vida de Cristão não é fácil

(...)



Pois eu completo dizendo que ser cristão não é fácil, é sofrido, é difícil mas também é ser feliz.
A partir do momento em que nós somos capazes de perdoar ai sim finalmente podemos dizer: "Tenho rastros de Luz em mim, Tenho rastros de Deus"


Rasgue a cortina...


(Robson Nunes)

Um comentário: